Mostrando postagens com marcador Perícia Médica. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Perícia Médica. Mostrar todas as postagens

sábado, 17 de dezembro de 2011

0

Qual era a perna mesmo?

Segurado adentra na sala de perícia médica apoiado em muletas.

Iniciado o procedimento de perícia, o médico pede para ver em qual perna estava o problema relatado.

Nisso o segurado aponta a perna direita.

O médico segue o exame, aperta aqui, o segurado geme, aperta lá, o segurado geme mais.

Satisfeito com o exame clínico, pega o laudo médico para ver o que o médico particular havia relatado.

Eis o diagnóstico:

“Paciente com o problema XXX – Perna Esquerda. Afastamento de xxx dias. CID xxxx”

Perguntado ao segurado o que ocorria da divergência, este sai com esta:

Segurado: Sei lá. Vai ver que o médico não sabe a diferença entre direita e esquerda…

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

0

Esquizofrenia

Certa vez, o servidor atendeu um segurado muito distinto.

De maneira educada, identificou-se como um juiz federal e falou que tinha um grande valor para receber, referente aos atrasados de um benefício.

Com a identidade do cidadão em mãos o servidor começou a procurar no sistema, qual seria o benefício que ele recebia. Nada foi localizado.

Como o senhor insistia que tinha dinheiro  a receber, o servidor tentou encontrar seu benefício de todas as maneiras possíveis.

Depois de algum tempo ele apontou para uma televisão que estava ligada na APS e disse para aumentar o volume, porque estavam falando sobre ele e sobre o valor que tinha para receber.

Só então o servidor percebeu que o caso do cidadão era de esquizofrenia, já que na televisão não estava passando nada sobre o INSS.

Mais tarde, foi concedido um benefício assistencial a este senhor, mas ele não quis receber os pagamentos. O motivo é que o médico perito informou que ele precisaria de um representante legal e isso ofendeu o segurado.

O sujeito protestou dizendo que não era louco e exigiu o cancelamento imediato do benefício.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

0

Novo tipo de perícia médica

Segurado se aproxima da servidora e inicia o diálogo.

Segurado: Moça, eu vim fazer minha perícia.

Servidora: Empresta seus documentos para eu consultar.

Após alguns instantes…

Servidora: Olha, não achei nenhuma perícia aqui para o senhor agendada para hoje.

Segurado: Não moça. É que eu liguei no 135 e falaram que eu podia vir aqui fazer minha perícia em transe (trânsito).

domingo, 30 de outubro de 2011

1

No domingo deve ser pior…

Segurado senta para ser atendido e começa a sessão reclamação.

Fica naqueles AI… AAAAAAIIIIIIIIIIII. Ui…. UUUUUUUIIIIIIIIIIIIIIII…

O servidor na dele…

Não satisfeito com os AIs-UIs da vida, o segurado decide contar seu problema para o interessado servidor:

Segurado: Olha moça, eu preciso receber o benefício. Eu tô com hérnia dominical !!

terça-feira, 25 de outubro de 2011

0

Vai ver que é "encosto" mesmo...

Breve diálogo com uma segurada pouco instruída que se apresenta no guichê deste pacato servidor derrubando uma dúzia de atestados:

Segurada: Vim encaminhá os papel do encôsto.

Servidor: Ok. Por acaso a senhora é autônoma?

Pausa de uns 5 segundos, silêncio, segurada pensativa…

Segurada: É… me dói tudo aqui atráis, ó, aqui atráis da cabeça, desse lado.

Nisso mostra com as mãos o local dos males…

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

1

Segurado sem cueca

Ao iniciar a perícia, a médica verifica que o problema do segurado é na perna e que o mesmo encontra-se vestido de calça.

Pede, então, para que o segurado, um rapaz afro-descendente, de mais de dois metros de altura, tamanho “4x4 cabine dupla”, abaixe as calças para que ela possa examinar a lesão.

Quando o cidadão o faz, deixa a mostra o “instrumento” de proporções avantajadas, pois estava sem cueca.

A médica mantém-se com cara de paisagem e não fala nada.

Eis que surge um médico perito da sala ao lado, passando pela saída “privativa”, entra na sala de perícia, solta um “Nossa senhora!” e sai.

Depois disso, a médica não conteve o riso e outro colega teve que fazer a perícia do cidadão.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

0

Auxílio-Doença – Problema grave

Segurada idosa, após ser chamada pelo servidor, inicia a sessão reclamação:

Segurada – Ai meu filho, tô mal.

Servidor nada responde e continua fazendo o cadastro da cidadã.

Segurada – Ai meu filho, tô mal.

Servidor “na dele”, atualizando cadastro.

Segurada – Ai meu filho, tô mal.

De tanto escutar os lamúrios da segurada, o servidor não aguenta e pergunta:

Servidor – O que a senhora tem ?

E escuta a resposta:

Segurada – Ai meu filho, tô mal. To com Leitemaniose.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...